O dia-a-dia de um coelhinho tratado com amor e muitos mimos!


domingo, 26 de setembro de 2010

Encontro de Coelhos

(Gêisa e Tuig, Alexandre e Mel, Martha e Madonna)

Hoje foi o dia internacional do coelho, e resolvemos promover um encontro de coelhos no Dique do Tororó, uma área verde muito bela de Salvador. Nem todos puderam ir, mas valeu muuito a pena. Foi emocinante, até porque, foi o primeiro encontro de Tuig com outro coelho e só foram fêmeas. Resultado? Veja os vídeos.

video





Bem, foi uma tarde maravilhosa!! Tuig se exercitou bastante, correndo atrás das meninas, rsrs e ao chegar em casa, como de costume, ele foi correndo para debaixo de minha cama, no seu cantinho. Imaginei que após relaxar um pouco, fosse beber água, comer, pois foram cerca de 3 horas "na farra". Tamanha foi minha surpresa: Tuig surge do quarto, montando na sua bolinha em direção à sala. Eu ri muito, o danadinho ainda tava sob efeito do encontro com as meninas, e como não rolou nada, teve que se contentar com a bola.

sábado, 25 de setembro de 2010

Pensa que me engana?

Cada dia que passa, vejo como meu pequeno é esperto.
Tenho controlado sua alimentação (com alguma dificuldade) pois ele quer e pede tudo o que não pode (em excesso).
Portanto, diminui bastante a ingestão de frutas e ração dele e aumentei a de folhas (afinal, coelhos são herbívoros!).
Hoje, na hora do almoço dele (sim, pois ele após seu "café-da-manhã", costuma dormir o resto da manhã e só acorda por volta do meio-dia para "almoçar")coloquei agrião e acelga no seu pratinho. Não queria, mas como viu que não tinha jeito, começou a comer mesmo sem querer. Enquanto isso, eu abri a geladeira e vi uma apetitosa maçã, daquelas beem vermelhas e bem doces, nossa, não resisti e peguei pra mim. Após a primeira mordida e dirigindo-me à sala, Tuig ainda com o caule do agrião metade dentro e outra fora da boca, saiu alucinado atrás de mim, largou o resto do agrião no meio do caminho, ficou em pé (duas patas)e subiu no sofá pedindo maçã. Que droga,pensei, pois não queria que comesse fruta naquele momento, mas diante de tamanha ansiedade, não tive outra alternativa, a não ser, ceder, rir e me orgulhar de quão esperto é meu pequeno.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Passeios... sim ou não?

Coelhos são animais realmente difíceis de entender. Embora passe todo o tempo solto dentro de casa, com total liberdade para ir onde quiser (menos banheiro), às vezes sinto que Tuig está entediado. Diante disso, costumo levá-lo para passear em áreas verdes para correr, ter contato com a natureza, cavar, etc. Como também, levo para visitar a avó, cuja casa é maior e tem mais espaço para ele aprontar. Mas, sempre após um programa desses, no dia seguinte, ele muda o comportamento. Deixa de me acordar de manhã, não me dá muita bola. Fico confusa e me pergunto: será que ficou chateado por ter quebrado a sua rotina?
Principalmente no Dique do Tororó, mostra-se à vontade, corre, brinca, come grama, mas quando chega em casa, sai correndo da caixa de transporte para se esconder onde nem eu posso ver, quase que desesperado como quem diz: "finalmente, minha casa!!!".
Mas de qualquer forma, ainda acredito que é bom pra ele se exercitar um pouco, ver e explorar coisas novas, como no vídeo a seguir:

domingo, 19 de setembro de 2010

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Arte matinal

Tuig parece mesmo uma criança, um bebê.
Me acorda cedo (6h +/- às vezes 5h)pulando na cama, por cima de mim,é um ritual diário.
Semana passada, estava num sono matinal pesado, mas já acostumada com o meu "despertador ambulante", acordei perguntado-me por ele enquanto escutava um som irritante de calculadora ligando e desligando. Ainda confusa,levantei e me deparei com uma cena hilária: Tuig em cima do rack do computador, em cima da calculadora roendo uma conta que ainda não tinha sido paga. Incrédula com a cena, tive o cuidado de não fazer movimento brusco ao me aproximar para não assustá-lo, pois ele poderia cair e não seria nada bom... ao me ver, saiu correndo, pulando no sofá e indo para o chão numa destreza espantosa, como uma criança pintona flagrada pela mãe e fugindo de um sermão ou uma palmada. Meu coração disparou, tamanho era o meu medo dele cair e restou rir da situação e me orgulhar, pois o meu pequeno é muito esperto e danadinho, sinais claros de saúde.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Assistente de encanador

Hoje, veio um encanador aqui em casa pra fazer um conserto, e Tuig curioso como sempre, na cozinha com a gente participando da coisa e eu, preocupada em o rapaz não vê-lo e machucá-lo, sempre atenta aos seus movimentos. Teve uma hora que o encanador precisou pegar uma ferramenta no lado de fora e Tuig foi atrás, parecendo que era o assistente, na plena certeza que iria sair junto, frustrei seus planos quando imediatamente fechei a porta. Resultado: mais imediata foi a reação dele avançando em mim, com as orelhas pra trás, muito chateado como quem dizia "por que você fez isso?? Eu ia sair!!!" Ficou perseguindo minha mão para morder enquanto o afugentava pra longe da porta e em seguida foi pro seu cantinho no meu quarto e não saiu mais.
Fiquei até meio sem jeito pois o rapaz presenciou a cena, senti-me uma mãe diante de um filho mal criado e ao mesmo tempo ri de toda essa loucura que é ter um coelho como filho. Uma deliciosa loucura.

Nessa foto, ele tinha acabado de comer granola (DIET!!)e subiu na minha cama, que carinha de sapeca!!

Nos amamos muito!!!


Essa foto é a minha favorita de todas!!